Foto: Pixabay

Brasileiros lideram os UTVs do Rally Dakar 2018 após seis etapas

Redação Webventure/ Sem categoria

Em La Paz, Bolívia, piloto Reinaldo Varela e navegador Gustavo Gugelmin seguem na ponta da tabela a bordo do Can-Am Maverick X3

Após seis etapas do 40º Rally Dakar, os brasileiros Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin seguem na liderança da categoria para UTVs a bordo do Can-Am Maverick X3. A dupla cumpriu mais um dia de forma consistente, com o segundo melhor tempo no percurso entre Arequipa, no Peru, e La Paz, na Bolívia, de acordo com os resultados extra-oficiais. O roteiro incluiu 758 quilômetros, 313 deles de trechos cronometrados, nesta quinta-feira (11).

A dupla cumpriu mais um dia de forma consistente, com o segundo melhor tempo no percurso Foto: Vinicius Branca/Divulgação

A dupla cumpriu mais um dia de forma consistente, com o segundo melhor tempo no percurso Foto: Vinicius Branca/Divulgação

“A sexta etapa foi muito difícil. Estou ensopado até agora e com muito frio”, disse o piloto Varela. “Foi um dia com muita água, tanto de chuva quanto de poças, e teve até neve nas montanhas. O Rally Dakar tem sido muito duro, conforme o esperado, e o Can-Am Maverick X3 prova a cada dia que é muito resistente e confiável”, continuou.

Clique aqui e inscreva-se para a 1ª Etapa Wolf Series – Duathlon Cross!

Entre os quadriciclos da G3. 2 2, o argentino Daniel Mazzucco segue na liderança da classe. O segundo colocado é o polonês Kamil Wisniewski, que venceu a sexta etapa, seguido pelo argentino Pablo Novara. O Top 5 ainda conta com o holandês Jan Bastiaan Twilhaar em quarto lugar e com o argentino Alejandro Fantoni. Todos os pilotos competem com o quadriciclo Can-Am Renegade.

O roteiro ainda passa pela Argentina, palco da chegada no dia 20 de janeiro na cidade de Córdoba Foto: Gustavo Epifanio/Divulgação

O roteiro ainda passa pela Argentina, palco da chegada no dia 20 de janeiro na cidade de Córdoba Foto: Gustavo Epifanio/Divulgação

Nesta sexta-feira (12), os competidores ganharão um merecido dia de folga na capital boliviana. “Depois de todas as dificuldades que passamos para chegar até aqui, a pausa vai ser muito importante para recarregar as energias “, concluiu Varela. A prova também reúne motocicletas, carros e caminhões. O roteiro ainda passa pela Argentina, palco da chegada no dia 20 de janeiro na cidade de Córdoba. O percurso total será formado por 8.793 km (4.329 km de especiais).

Rally Dakar – Resultados categoria UTVs (extra-oficiais)

6ª Etapa
1. Patrice Garrouste (FRA)/ Steven Griener (CHE) – 3h44min18
2.
 Reinaldo Varela/ Gustavo Gugelmin (BRA) – 3h46min47 Can-Am Maverick X3        
3.
 Juan Carlos Uribe Ramos/ Javier Uribe Godoy – 4h15min46 – Can-Am Maverick X3
4.  Leo Larrauri/ Fernando Imperatrice – 4h20min52 Can-Am Maverick X3       
5. Claude Fournier  (FRA) / SZYMON GOSPODARCZYK (POL) – 4h35min19

Resultados acumulados após seis etapas
1.  Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin (BRA) – 25h43min42 – Can-Am Maverick X3
2. Juan Carlos Uribe Ramos/ Javier Uribe Godoy (PER) – 26h15min49 – Can-Am Maverick X3
3. Patrice Garrouste (FRA) / Steven Griener (CHE) – 27h07min55
4. Claude Fournier (FRA) / Szymon Gospodarczyk – 29h06min03
5. Anibal Aliaga/ Juan Pedro Cilloniz (PER) – 29h15min51

Last modified: janeiro 12, 2018

Redação Webventure
Redação Webventure