Vento forte garante regatas e causa avarias em barcos na Semana de Vela de Ilhabela

./ Vela

Depois de dois dias sem competições, os barcos retomaram a disputa da Semana Internacional de Vela de Ilhabela nesta quinta-feira. As equipes tiveram que superar as fortes rajadas de vento, que chegaram a 22 nós e causaram avarias em alguns barcos.

Três barcos foram prejudicados: o Vó Monik, da categoria Clássicos, e o Felcidue, da ORC, tiveram seus mastros quebrados. O argentino Nautico II, também da ORC, ficou com um buraco no casco depois de sofrer uma batida de outra embarcação e a água invadiu o barco.

semana de vela

Dois barcos tiveram o mastro quebrado nesta quinta-feira. [Alexandre Koda / Koda Comunicação]

Classe HPE-25

Para a flotilha da HPE-25, a Semana de Vela começou nesta quinta-feira, porque a classe tinha na conta apenas a regata Renato Frankenthal, que não conta pontos para a classificação geral. A regata foi disputada entre boias e quem levou a melhor foi o Gimga, seguido pelo Conquest e pelo Three Musketeers.

“Está sendo uma competição interessante, estamos bem contentes com a disputa. Hoje tivemos duas regatas muito boas, com vento forte e muitas ondas. Agora espero que possamos realizar pelo menos mais três regatas na sexta e no sábado, para ficar ainda melhor”, avalia Breno Chvaicer, comandante do Ginga.

O Gimga lidera a disputa da classe HPE-25 [Marcos Mendez / Sail Station]

O Gimga lidera a disputa da classe HPE-25 [Marcos Mendez / Sail Station]

Clássicos

Os barcos clássicos, que possuem estrutura mais sólida para enfrentar os fortes ventos, se deram bem nesta quinta-feira. Destaque para o Vendetta, que está na segunda colocação, atrás apenas do Kamaiurá, e possui um tripulante muito especial: Harry, um cachorro da raça golden retrivier que já está acostumado a velejar.

“Um tempo como o de hoje privilegia os barcos mais pesados, como o nosso. Apesar de ser um barco antigo, performa bem em condições de vento forte. O clima exigiu bastante da tripulação e pudemos nos divertir. E temos aqui o nosso Harry nos acompanhando, quando tem muito vento, o Harry se coloca no cockpit, que é uma área um pouco mais baixa e abrigada, e fica no meio das pernas das pessoas”, Marco Dippolito, comandante do Vendetta.

Semana de Vela

Harry é o tripulante mais fofo da Semana de Vela. [Alexandre Koda / Koda Comunicação]

Após o segundo dia efetivo de regatas, a maioria das classes teve disputas acirradas pelas primeiras posições, com exceção da Bico de Proa, em que o Newport teve um ótimo desempenho e conquistou três primeiros lugares. Confira todos os resultados no site da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

Os barcos voltam a competir nesta sexta-feira, a partir do meio-dia.

Last modified: julho 19, 2019

.