Foto: Pixabay

Bikers aprovam circuito olímpico

Redação Webventure/ Biking

Sydney, Austrália – Mais de 7 mil pessoas acompanharam a segunda etapa da Copa do
Mundo de mountain bike cross-country, anteontem (11/04), em Fairfield Farm, a 22 km
de Sydney. A prova foi disputada no circuito que será usado nas Olimpíadas de 2.000.
Os vencedores foram o estreante Gregory Vollet, da França, e a veterana Alison Sydor,
do Canadá, despontando como favoritos à medalha nos Jogos do ano que vem. A torcida
australiana não ficou decepcionada. Os ciclistas locais Cadel Evans e Mary Grigson
levaram o segundo lugar em suas categorias.

A vitória de Alison foi a sensação da etapa. Depois de duas mal sucedidas corridas em
Sea Otter, na pré-temporada, e Napa, na abertura da Copa, muitos se perguntavam se
ela ainda teria o que mostrar nesta temporada. As dúvidas sumiram depois que ela
venceu com um minuto de vantagem. Foi a 15ª corrida em copas do mundo conquistada
pela canadense, que agora lidera a classificação geral.

Já Vollet disse não que não pretendia vencer a corrida. Ela liderava um grupo que se
separou dos demais por toda a tarde, quando resolveu atacar na quinta volta, “só por
farra”. E que farra. Pegando os atletas de elite de supresa, Vollet colocou 30 segundos
de vantagem sobre o grupo na sétima e última volta.

O novo circuito, que fica em torno de uma fazenda, foi aprovado. A maioria dos atletas
considerou o design da pista – cuja extensão é de 7km – uma mistura inovadora de
trechos técnicos e outros de corrida livre e veloz. A Copa do Mundo segue em Madri, na
Espanha, nos próximos dias 24 e 25.

Este texto foi escrito por: Webventure

Last modified: abril 13, 1999

Redação Webventure
Redação Webventure