Foto: Pixabay

Site ajuda a encontrar parceiros e locais de escalada no mundo

Colaborador/ Montanhismo

O Climbfind lista picos de escalada com fotos e descrições (acima  via Meathooks em Canmore  no Canadá) (foto: Anna Bouchard)
O Climbfind lista picos de escalada com fotos e descrições (acima via Meathooks em Canmore no Canadá) (foto: Anna Bouchard)

Buscando um pico de escalada durante suas férias na Malásia? Sem companhia para usar as paredes de uma academia na Espanha? Através do portal Climbfind (www.climbfind.com) é possível encontrar parceiros e pontos de escalada em regiões tão distintas quanto Ásia e Europa.

O site, que é em inglês, funciona de forma parecida com uma rede social, onde o usuário faz um cadastro rápido. É possível até usar a conta do Facebook para não precisar criar um novo login.

Os locais de escala são listados por tópico ou podem ser pesquisados em um mapa interativo. Eles são cadastrados pelo próprio público do site, que pode listar opções indoor ou em rocha, ou apenas citar áreas de escalada.

Como o site é novo, alguns países ainda carecem de informações. Do Brasil, há 37 áreas de escalada cadastradas, com seis locais de indoor e três de rocha.

Os países com mais acessos são Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, Austrália e Alemanha. Só nos Estados Unidos, país com mais registros, há mais de 1.000 locais outdoor e quase 400 pontos de indoor.

Outra ferramenta útil é uma pesquisa de parceiros entre os usuários. Dá para achar as pessoas pela cidade, pelo ginásio de escalada ou por algum point cadastrado, o que pode ser muito útil durante viagens.

Para quem gosta de mostrar pra todo mundo por onde tem escalado, o site ainda oferece um logbook. Lá é possível registrar cada ascensão com data e local, colocar fotos e descrever a história com detalhes.

Este texto foi escrito por: Pedro Sibahi

Last modified: maio 9, 2012

Colaborador