Foto: Divulgação

Filmes Outdoor voltam ao cinema de Rua em São Paulo

Redação Webventure/ Aventura, Sem categoria

Pela primeira vez no Brasil, o festival mexicano de filmes outdoor, Freeman Film Festival apresenta o mais premiado filme da temporada 2017/2018

Pela primeira vez no Brasil, o festival mexicano de filmes outdoor,  Freeman Film Festival apresenta o mais premiado filme da temporada 2017/2018 “Dirtbag – A lenda de Fred Beckey” junto com três produções brasileiras.  

Cinesala:

É um cinema de rua que funciona desde 1962 na Rua Fradique Coutinho no bairro paulistano de Pinheiros, em São Paulo, além da sala de cinema, possui um bar de drinks e comidinhas no saguão de entrada. O local tem o objetivo de recuperar a cultura de cinemas de rua na cidade de São Paulo. Há no estabelecimento sofás acolchoados que ocupam as primeiras fileiras da sala, oferecendo o máximo de conforto a quem chegar primeiro. Para o Freeman Film Festival não haverá lugares marcados, portanto quem estiver disposto a assistir o filme no sofá, basta chegar cedo.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Programação

“Dirtbag – A história do Fred Beckey”: documentário sobre lendário escalador americano Fred Beckey, que dedicou toda a sua vida ao esporte, abdicando do conforto e convenções da sociedade. O filme foi amplamente premiado, tanto por juri quanto por público, em todos os festivais que participou: Banff Mountain Festival, Kendal Mountain Film, EXO, NAFF, Bansko Mountain Film, Bilbao Mendi Film Festival, entre muitos outros. A produção é a mais aguardada pela comunidade outdoor para o ano de 2018.

“Uma aventura como ela é”: as influências dos esportes e das atividades na natureza na vida de um jovem casal de brasileiros. Recém casados, seguem para a França na lua de mel, mas nada de ir para Paris. A road trip é regada a desafios e o cenário é o centro-sul da França.,

Uma aventura como ela é – Teaser from Sua Casa é o Mundo on Vimeo.

“Bonete – A conquista Brasileira”: Documentário sobre expedição brasileira que pela primeira vez conquistou o cume do Bonete Chico (6.759 m -La Rioja, Argentina), é a quarta mais alta do continente americano, depois do Aconcágua, Ojos del Salado e Monte Pissis. Foi a a última das 10 montanhas mais altas dos Andes a ser escalada.

Isolamento e as dificuldades impostas pelo clima da Puna do Atamaca, fizeram que o Bonete Chico fosse conquistado somente no ano de 1971 por uma expedição argentina.Mais do que um filme, é um documento histórico sobre o montanhismo brasileiro.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Um filme de Paula Kapp.

“Mulheres são Montanhas”: é um curta documental que retrata o cotidiano das escaladoras Mônica Filipini e Danielle Pinto. É uma janela para a vida delas na pacata cidade de São bento do Sapucaí, no interior de São Paulo, lidando com a maternidade, as atividades domésticas, e, curtindo a grande paixão delas: as montanhas. Com lirismo, esse filme dá visibilidade à escalada tradicional feminina brasileira (um esporte tradicionalmente masculino no país), e investiga as motivações dessas duas mulheres a se arriscarem escalando montanhas.

Um filme de Renata Calmon.

Mulheres são Montanhas – Trailer from Mulheres são Montanhas on Vimeo.

Trailer: https://vimeo.com/267650664

O evento esta marcado para o dia 27/09 às 20h no Cinesala, na Rua Fradique Coutinho, 361 – Pinheiros, São Paulo.

Last modified: setembro 5, 2018

Redação Webventure
Redação Webventure