Foto: Pixabay

Conheça e se jogue em uma aventura na Jamaica

Christina Volpe/ Viagem

Seja em terra, na água ou no ar – voando por cima das copas das árvores – em cada canto da Jamaica tem uma experiência inesquecível esperando por você:

Salto de Falésias
 – saltar das falésias é o esporte extremo mais antigo da ilha. Não precisa mais que muita ousadia e uma geografia apropriada na Jamaica. Aqui sobram lugares que te convidam a se aventurar. A zona mais ocidental de Negril, em West End, reserva as elevações das falésias onde os mais ousados podem fazer saltos arrojados. O Rick’s Café é um lugar famoso que se converteu em um icônico ponto de saltos.
Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

Rafting – Navegar pelo rio em uma balsa de bambu de 9 metros se tornou um dos atrativos mais populares da Jamaica e o melhor jeito de explorar os canais fluviais da ilha. Para os amantes da natureza, os roteiros guiados pelos capitães especializados em balsas e que também são guias turísticos é um prato cheio. No rio Martha Brae a viagem ao longo de 3 milhas dura mais ou menos uma hora.  Fica a 5km da cidade de Falmouth, 30km de Montego Bay e 60km de Ocho Rios. Uma outra opção para passear de balsa é o Rio Grande, em Port Antonio. A atividade foi originada aqui e depois se popularizou graças ao famoso Errol Flynn. O roteiro permite aos viajantes observarem o santuário de aves que forma parte do ecossistema local. E nadar no rio provavelmente é a melhor parte da travessia.

Navegar 
– Navegar é uma das melhores maneiras de sair da rota tradicional e descobrir locais paradisíacos. Com as águas frias, ventos perfeitos, baías e ilhas lindas, a Jamaica oferece condições ideais para navegar. É possível sair de excurões para praticar mergulho com cilindro ou snorkel, viajar em cruzeiro de catamarã, alugar um veleiro, subir em um bote festa. As opções do destino são infinitas. Atraque na marina Errol Flynn, em Porto Antonio, para explorar o outro lado da Jamaica. O Yatch Club em Montego Bay, também oferece amplas facilidades para satisfazer os marinheiros aventureiros.
Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

Bobsleding – Inspirado na famosa equipe de trenó da Jamaica, o  Bobsled da  Rainforest Adventures Mystic Mountain, em Ocho Ríos, faz você deslizar pelas majestosas montanhas a bordo de um trenó impulsionado pela gravidade.  Basta usar o pé para acionar o freio. E quando o trenó é liberado em uma pista de 1000 metros, prepare-se para um roteiro sinuoso e emocionante pela floresta da Jamaica. Lá de cima da montanha, a 700 pés de altura, a vista de Ocho Rios é espetacular!
Caiaque na floresta – a Jamaica está banhada por mais de 120 rios. Descer em caiaque pelas corredeiras é uma aventura emocionante. Em St. Ann, Ocho Rios, a River Rapids Adventures organiza excursões em caiaque para as pessoas descerem pelas refrescantes corredeiras do Rio Bueno, passando por espetaculares cachoeiras até chegar a uma praia privada em Bengal Bay. Os guias certificados e treinados que garantem a segurança dos turistas também levam a muita diversão.

Tirolesa 
– divirta-se voando por cima das copas das árvores na exuberante floresta tropical da Jamaica! Diversos operadores em toda a ilha oferecem excursões de tirolesa que permitem percorrer a floresta por meio de várias plataformas montadas nas árvores.  Dá para ziguezaguear no ar por cima das cachoeiras famosas da YS Falls, na costa sul. Ou viver a experiência de cruzar a maior tirolesa do Caribe em “Bit Timba”, localizada em Montego Bay, em uma travessia de 500 metros mata adentro.
Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

SUP – remar de pé sobre uma prancha é um esporte aquático que ganhar cada vez mais adeptos. Criado no Havaí, o SUP é uma ancestral forma de navegar e fácil de aprender. É o mais parecido que se pode chamar de caminhar pelas águas. Além disso, oferece mais que um excelente ponto de vista para observar a incrível paisagem da costa e do seu entorno.

Last modified: dezembro 19, 2018

Christina Volpe
Christina Volpe
Comecei como corredora, depois me tornei jornalista e repórter do Webventure. Hoje sou editora e convivo diariamente com o esporte há 3 anos. Meu coração bate mais forte toda vez que um atleta conquista seu objetivo, um evento acontece e assisto uma competição emocionante. Sempre estou aprendendo e dando meu melhor.